Impedido há 15 anos, Jaime Oncins é o capitão do Brasil na Copa Davis

A Confederação Brasileira de Tênis anunciou na manhã desta sexta-feira o ex-tenista Jaime Oncins como novo capitão do Brasil na Copa Davis, em substituição ao recém-saído João Zwetsch. O anúncio acontece 15 anos depois da frustração do paulista

Anúncios

Ex-tenista vai comandar time brasileiro na Copa Davis em setembro, 15 anos depois de ser impedido de assumir o cargo devido a um boicote

A Confederação Brasileira de Tênis anunciou na manhã desta sexta-feira o ex-tenista Jaime Oncins como novo capitão do Brasil na Copa Davis, em substituição ao recém-saído João Zwetsch. O anúncio acontece 15 anos depois da frustração do paulista, que acabou vítima do boicote dos jogadores em um movimento que afastou Nelson Nastás e culminou com a entrada de Jorge Lacerda na presidência da entidade.

Jaime Oncins será o novo capitão do Brasil na Copa Davis
Crédito: Celso Pupo/Foto Arena/CBT

“Com muito orgulho recebi e aceitei o convite de ser o capitão da Davis, uma competição onde sempre me identifiquei como jogador. A chance de poder colocar a mesma dedicação e espírito de equipe que sempre tive ao longo de minha carreira como profissional me motiva. Espero contribuir de forma bastante positiva para a equipe brasileira, dentro e fora das quadras”

afirmou Jaime em comunicado da CBT.

Oncins tem em quadra um histórico que poucos jogadores brasileiros alcançaram na Copa Davis. Integrou os times semifinalistas de 1992, quando foi fundamental para vencer a Alemanha de Boris Becker durante a campanha, e 2000, quando era duplista no time que tinha ainda Gustavo Kuerten, Fernando Meligeni e André Sá. Ao todo, ele soma 25 confrontos disputados, mais do que Guga e Meligeni, inclusive.

Jaime Oncins na vitória sobre a Alemanha na Copa Davis, no Rio de Janeiro, em 1992
Oncins (sem camisa) comemorando entre Luiz Mattar e Paulo Cleto a vitória sobre a Alemanha em 1992

Ele foi pupilo de Paulo Cleto, o capitão que mais tempo ficou no comando, por 16 anos. Ao mesmo tempo em que a experiência de seu ex-técnico poderia pesar a favor, Cleto foi usado como motivação por quem era contra a entrada de Oncins como capitão após o anúncio por Nastás em fevereiro de 2004.

Dácio Campos, então comentarista do Sportv e influência na CBT até o fim da gestão Jorge Lacerda – com quem foi recém-condenado em conjunto por fraude na Lei de Incentivo ao Esporte -, bateu forte contra a entrada de Jaime na Copa Davis citando na época que Cleto (desafeto de Dácio) voltaria a mandar no time. Tempos depois, Dácio tentou virar sócio do Clube Paineiras, reduto dos Oncins, e recebeu uma negativa justamente no voto daquele que foi impedido de ser capitão da Copa Davis.

Outra voz forte dentro da CBT, o empresário Christian Burgos (dono da Revista Tênis), que hoje integra um Conselho Consultivo na entidade, chegou a citar o episódio em reunião como um motivo para evitar uma aproximação com Jaime Oncins, quando este ainda trabalhava no Brasil.

Jaime foi um dos jogadores que se reaproximaram da CBT após a saída de Jorge Lacerda da presidência e a entrada de seu sucessor (e aliado) Rafael Westrupp. Ele palestrou durante um Campeonato Brasileiro Infanto-Juvenil e recebeu até placa de homenagem das mãos do cartola.

Jaime Oncins homenageado pela CBT durante Campeonato Brasileiro
Jaime Oncins homenageado pela CBT após palestra no Campeonato Brasileiro 2017. Crédito: Thiago Parmalat/CBT

“A Copa Davis sempre foi muito relevante para o tênis brasileiro, e a entrada do Jaime como capitão traz o sentido de desenvolver ainda mais o espírito desta competição entre os nossos atletas. O Jaime tem uma história linda dentro do nosso tênis, e uma identidade muito forte com a Copa Davis. Ouvi e dialoguei com os jogadores, e dentre algumas alternativas de nomes para assumir o cargo, o Jaime é um consenso”

afirmou Rafael Westrupp, presidente da CBT.

A saída de João Zwetsch foi marcada pela polêmica sobre as condições do confronto com a Bélgica, em quadra de saibro coberta em Uberlândia, que teve declarações contraditórias em entrevistas coletivas no fim de semana da derrota brasileira para um time alternativo belga, depois de ter sido divulgada como consenso do time.

Bruno Soares e Marcelo Melo na Copa Davis de 2018 em Uberlândia
Bruno Soares e Marcelo Melo acabaram prejudicados pelas condições em Uberlândia. Crédito: Luiz Cândido/CBT

Como técnico, Jaime Oncins trabalhou com André Sá e Flávio Saretta (ainda na época do boicote) e também com o português Gastão Elias, que entrou no top 100 justamente no período em que era treinado pelo brasileiro.

A entrada no comando da equipe brasileira da Copa Davis surge justamente no momento em que Jaime vive nos Estados Unidos e trabalha para a Montverde Academy, que leva jovens (inclusive brasileiros) para estudar e jogar visando o tênis universitário norte-americano.

Ele também chega ao cargo com a Copa Davis totalmente reformulada em uma proposta patrocinada pelo jogador de futebol espanhol Gerard Piqué, do Barcelona, que teve o voto favorável da CBT e foi bastante criticada por nomes como Fernando Meligeni, Flávio Saretta e o próprio Jaime Oncins, como você pode conferir abaixo:


Curiosamente, assim como na outra vez em que poderia ter sido o capitão, Jaime Oncins comandará um time que perdeu a oportunidade de estar no Grupo Mundial. Seu primeiro confronto será no Zonal Americano I contra Barbados, nos dias 13 e 14 de setembro, em local a ser divulgado pela CBT.

Autor: Rubens Lisboa

Jornalista. Repórter com passagens pelas redações de Diário Lance! (2007-2009) e UOL Esporte (2009-2011), assessoria de imprensa na Confederação Brasileira de Tênis (2012-2017). Freelancer para o Yahoo Esportes em 2017 e atualmente no UOL Esporte. Músico (não-praticante) nas horas vagas. Fã de várias vertentes de música, especialmente Rock e Heavy Metal. Um colecionador de covers, tributos, versões alteradas e plágios descarados no mundo da música.

Uma consideração sobre “Impedido há 15 anos, Jaime Oncins é o capitão do Brasil na Copa Davis”

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.