Djokovic estreia parceria com Agassi nesta segunda em Paris

Crédito: FFT

Atual campeão de Roland Garros, o sérvio Novak Djokovic é uma das principais atrações na rodada programada para esta segunda-feira e o motivo não é exatamente pela defesa do título, mas a presença de outro campeão em seu box: Andre Agassi.

Em um período turbulento e sem muitas explicações dos motivos, Djokovic dispensou toda a sua equipe técnica há algumas semanas (já havia dado deixado Boris Becker no final de 2016) e depois de viajar com o irmão Marko, anunciou após o vice-campeonato do Masters 1000 de Roma a contratação de Agassi.

Agassi venceu o Aberto da França em 1999 em título que marcou um ‘recomeço’ em sua carreira, inclusive na vida amorosa com Steffi Graf.

Depois de arrumar um guru para dar um jeito em problemas pessoais, Nole buscou Agassi para ajudar a colocar seu tênis novamente nos trilhos depois de interromper uma fase na qual dificilmente era batido.

O primeiro teste será na manhã desta segunda-feira, quando o número 2 do mundo estreia em Roland Garros contra o espanhol Marcel Granollers, no segundo jogo da Philippe Chatrier.

Outro destaque nesta segunda é a estreia de Rafael Nadal em busca do décimo título no Grand Slam francês. Ele encara o francês Benoit Paire no segundo jogo da Suzanne Lenglen.

Rafael Nadal
Nadal estreia em busca do décimo título Crédito: FFT

 

Alexander Zverev também disputa sua primeira partida nesta segunda-feira contra o espanhol Fernando Verdasco, um jogo perigoso para o garoto-prodígio da ATP.

Pela chave feminina, a espanhola Garbiñe Muguruza inicia a defesa do título abrindo a programação da Philippe Chatrier, às 11h locais (6h de Brasília), em jogo contra a Francesca Schiavone, campeã de 2010, que estava em queda-livre nas últimas temporadas, mas faz uma temporada bastante regular, com duas finais e um título no saibro no WTA de Bogotá.

Depois da queda da cabeça de chave 1, a alemã Angelique Kerber, já na primeira rodada neste domingo, o segundo dia de jogos marca a estreia da tcheca Karolina Pliskova, cabeça 2, contra a chinesa Saisai Zheng.

A francesa Kristina Mladenovic também faz sua estreia nesta segunda-feira contra a americana Jennifer Brady. Apesar da queda na primeira rodada de Roma, a francesa somou bons resultados no saibro e tem uma chave que a possibilita uma boa campanha em Paris.

O segundo dia marca a estreia de dois brasileiros em Paris, com Rogerio Dutra Silva encarando o russo Mikhail Youzhny no segundo jogo da quadra 5, enquanto Bia Haddad Maia faz o último jogo da quadra 6 contra a russa Elena Vesnina.

Programação completa desta segunda-feira


Queda, suor e Preguiça

O primeiro dia de Roland Garros teve como destaque a queda da alemã Angelique Kerber na primeira rodada diante da russa Ekaterina Makarova, que fechou com duplo 6/2 e marcou a primeira vez que uma cabeça de chave 1 não passou da estreia em Paris.

Não que fosse uma surpresa Kerber não conquistar o título na França, vide a fase da líder do ranking mundial, mas a queda com apenas quatro games ganhos deixa aberta a briga pela liderança da WTA, que pode ser de Karolina Pliskova, se for à final, ou a romena Simona Halep, em caso de título.

O destaque positivo foi a estreia vitoriosa da tcheca Petra Kvitova, superada a lesão na mão causada por um assalto em seu apartamento há alguns meses. Ela derrotou a americana Julia Boserup com 6/3 6/2 e terá na segunda rodada outra americana, a carismática Bethanie Mattek-Sands.

Thomaz Bellucci foi o primeiro brasileiro a estrear e sofreu com o calor em Paris na partida contra o sérvio Dusan Lajovic. Demonstrando claramente cansaço, o brasileiro não fez um grande jogo, mas conseguiu virar e fechar com 4/6 7/5 6/4 6/4 para seguir no torneio e encarar o francês Lucas Pouille, outro que não teve vida fácil no primeiro dia, mas bateu Julien Benneteau no quinto set.

Dominic Thiem e Bernard Tomic fizeram um primeiro set interessante, mas bastou. O austríaco acabou domindo o jogo e, com exceção de um ou outro ponto bem jogado, Tomic demonstrou aquela ‘boa vontade’ que lhe é comum e se despediu na primeira rodada, com vitória de Thiem por 6/4 6/0 6/2.

Anúncios

Autor: Rubens Lisboa

Jornalista. Repórter com passagens pelas redações de Diário Lance! (2007-2009) e UOL Esporte (2009-2011), assessoria de imprensa na Confederação Brasileira de Tênis (2012-2017). Freelancer para o Yahoo Esportes em 2017 e atualmente no UOL Esporte. Músico (não-praticante) nas horas vagas. Fã de várias vertentes de música, especialmente Rock e Heavy Metal. Um colecionador de covers, tributos, versões alteradas e plágios descarados no mundo da música.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.